Histórias de Ninar para Garotas Rebeldes

Ser garota é aprender ainda cedo a não ter medo de sangue, a não ter medo de sangrar.

Enquanto estamos recebemos educação (escola, universidade, casa) são raras as histórias contadas sobre as mulheres que mudaram e moldaram o mundo, mas não se engane, elas existem e não são poucas.

Pensando nisso, duas empresárias italianas de mídia infantil, Elena Favilli e Francesca Cavallo, idealizaram o Histórias de Ninar para Garotas Rebeldes: 100 Fabulas sobre Mulheres Extraordinárias lançado no Brasil pela editora V&R Editoras.

O livro é composto por uma centena de “contos de fadas” de mulheres reais que não esperaram pelo príncipe encantado e foram a luta, desafiando preconceitos na ciência, literatura, esporte, aviação, política, artes, entre outros. Tudo com uma linguagem leve e divertida para compreensão das crianças.

Resultado do crowdfunding de maior valor na história do financiamento coletivo para livros (US$ 1 milhão) com apoiadores de diversos países, o livro não foi só idealizado por mulheres, para contar histórias de mulheres, como também conta com um time de SESSENTA ilustradoras do mundo inteiro responsáveis pela arte de cada pequena biografia.

Dentre as 100 fábulas, as brasileiras Cora Coralina e Maya Gabeira ganham suas merecidas páginas e ilustrações. E que ilustrações! Por conta do número de artistas, cada biografia recebe um traço particular  e lindo, mas a atenção vai para o cuidado em respeitar a etnia e cultura de cada homenageada por meio dos desenhos. Dá para perceber a quantidade de carinho e trabalho que foi colocada nessa obra.

Já as últimas folhas são destinadas à quem pertence o livro, com espaço para contar sua história e fazer seu retrato ❤️.

Em 2017 foi lançada a 2ª edição do livro, com mais cem fábulas.

Tudo o que podemos sentir é esperança e entusiasmo pelo mundo que estamos construindo, um mundomomde gênero não defina o quão alto você pode sonhar nem quão longe você pode ir.” -V&R Editoras

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *